Atendimento ao doador

(21)3257-2769 | (21) 98471-8261(whatsapp)

institucional@providencia.org.br

Segunda à Sexta, de 9h as 18h

BLOG

Confira as notícias e fique por dentro das novidades do Bando da Providência.

7 curiosidades históricas sobre a Feira da Providência

24.09.2018

 

Considerada um dos principais eventos socioculturais da cidade, a Feira da Providência é uma realização do Banco da Providência que já acontece há 57 anos na cidade do Rio de Janeiro e caminha este ano para a 58ª edição que acontecerá entre 29 de novembro e 2 de dezembro! Ao todo, cerca de 100 mil pessoas circulam pelo pavilhão do Riocentro durante os cinco dias de evento anualmente a procura de um passeio diferente com a família.  Além das diversas opções de compras, lazer e entretenimento, a Feira da Providência também proporciona uma viagem cultural por estados e países através da culinária, do artesanato, folclore e tradições. Agora que a 58ª edição está chegando, vamos aquecer a expectativa descobrindo alguns fatos interessantes e históricos sobre o evento? Vamos lá! 😊

 

1 – A Feira da Providência ocupa um lugar especial no calendário da cidade do Rio de Janeiro desde 1961. No começo, o evento nasceu associado à ideia de uma quermesse e foi crescendo e mudando de formato ao longo das décadas.

 

2 - A primeira edição da Feira foi noticiada em 2 de outubro de 1961. A capa de um jornal do Rio trazia uma foto do arcebispo Dom Hélder Câmara rodeado de crianças no Clube Piraquê, na Lagoa, no Rio. Desde 1978, o Riocentro, em Jacarepaguá, é a nova sede do evento. Em entrevista ao jornal, o idealizador exaltava o espírito de solidariedade que envolve a feira.

 

3 - Além da causa social, a Feira da Providência se firmou como espaço para lazer, gastronomia e compras. Em 1961, barraquinhas com vestimentas e pratos típicos dos estados brasileiros disputavam a atenção do público. Nas edições seguintes começaram a surgir os novos expositores e representações internacionais, trazendo a culinária, produtos e atividades culturais de outros países.

 

4 - Ao longo dos anos, a Feira também virou referência de local que oferece produtos importados a preços acessíveis. Na sua estreia no Riocentro, em 1978, prestigiada pelo governador Faria Lima, os cariocas correram para comprar calças da marca “Lee”.

 

5 - Nas décadas de 1980 e 1990 eram tempos em que a Feira da Providência atraia cerca de meio milhão de pessoas. Na hora da compra, chocolates e bebidas (vinhos, uísques e cervejas) eram os preferidos pelos compradores. Mas logo os perfumes franceses e roupas também seriam alvo dos consumidores.

 

6 - O cartunista Ziraldo é quem faz todos os cartazes da Feira desde a primeira edição em 1961, ele foi convidado pessoalmente por Dom Hélder para fazer o material principal de divulgação da primeira edição e segue fielmente 58 anos depois. O cartunista está no “Guiness Book” como o artista que assinou a maior quantidade de cartazes de um mesmo evento.

 

7 – Marina Araújo foi uma importante Diretora Geral do Banco da Providência até falecer em 27 de agosto de 2016, mesmo dia de Dom Hélder Câmara. Ela atuou desde o início na Feira da Providência, desde a primeira edição até a edição de 2015. 

 

Em breve virão mais novidades por aí! Acompanhe! 😊

 

Fonte: Acervo do jornal O GLOBO em matéria de Ivete Silva e edição de Gustavo Villela.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload